Oi gente!

Usar maquiagem é uma coisa que buscamos desde menina, seja pegando aquele batom da mãe ou improvisando com maquiagens imaginarias. Desde pequenas temos esse interesse pelo mundo da maquiagem. Sempre imaginei como seria para as meninas que são cegas ou que enxergam pouco para se maquiar. Pois a vaidade está presente dentro de nós, independente de enxergar bem ou não.

Fazendo algumas pesquisas me deparei com esse curso de auto maquiagem promovido por Jacques Janine e Laramara, que já está em sua terceira edição. Esse curso é voltado para pessoas cegas e com baixa visão. Como nosso blog é voltado para dicas que facilitem o nosso dia a dia, decidi escrever sobre esse assunto para que vocês possam divulgar entre as amigas e que esse assunto chegue a maio quantidade possível de mulheres. Conto com a ajuda de vocês!

É possível aplicar cílios postiços ou fazer um delineado perfeito sem enxergar?  Mulheres cegas e com baixa visão desmistificam técnicas de maquiagem e superam seus desafios na 3ª edição do curso de auto maquiagem para pessoas com deficiência visual. Desenvolvida com pioneirismo no Brasil pela Laramara e pelo Jacques Janine, a iniciativa social oferece aulas de maquiagem teóricas e práticas para valorizar a diversidade e melhorar a autoestima das participantes.

Jacques Janine e Laramara

Jacques Janine e Laramara

Coordenado pela maquiadora e consultora de imagem do Jacques Janine, Chloé Gaya, o projeto acontecerá às quartas-feiras, de 3 a 31 de maio, das 10h às 12h, na sede da Laramara (Rua Conselheiro Brotero, 338, Barra Funda) em São Paulo. Durante o curso, as alunas aprenderão técnicas desde a preparação da pele, passando pelas funções dos produtos, a combinação de cores, até truques de como delinear os olhos e aplicar cílios postiços.

Para criar o curso, Chloé uniu sua experiência como maquiadora à expertise da Laramara em desenvolver a autonomia das pessoas com deficiência visual para oferecer o melhor conteúdo e adaptar as técnicas ensinadas. “É emocionante mostrar para essas mulheres que elas podem e conseguem se maquiar sozinhas, de modo único e independente. Este projeto baseia-se na importância da valorização das brasileiras com necessidades especiais e, principalmente, na inclusão social”, explica Chloé.

Experiência nas pontas dos dedos.

O exercício de mapear o próprio rosto e identificar seus traços por meio do tato faz um convite para o autoconhecimento das participantes, o que contribui para a adaptação das técnicas de maquiagem aplicadas durante as aulas. Isso permite, por exemplo, entender qual é a região para o uso do blush ou o limite que a sombra pode chegar ao côncavo.

Com o patrocínio da Vult Cosméticos, que doou os itens de maquiagem e o apoio da KISS New York, empresa responsável por oferecer cílios postiços e cola, as mulheres com deficiência visual são apresentadas a um mundo de cores, texturas e tendências de maquiagem. Para isto, os produtos são identificados em braille, sistema de leitura e escrita dos cegos e com legendas ampliadas para quem tem baixa visão.

Sobre a Laramara:

Em seus quase 25 anos de existência, a Laramara ganhou reconhecimento nacional e internacional por seus projetos voltados ao desenvolvimento de crianças, jovens, adultos e idosos com deficiência visual no Brasil e na América Latina. Nesse período, assistiu a mais de 11 mil famílias, oferecendo apoio no processo de independência e autonomia nas atividades cotidianas. Também é referência na luta pela inclusão e participação social dessa importante parcela da população. Para apoiar os projetos da Laramara, basta entrar em contato pelo site AQUI ou pelo telefone (11) 3660-6412.

Sobre o Jacques Janine:

Fundado em 1958 pelo casal francês Jacques e Janine Goossens, o Jacques Janine é primeira rede de salões de beleza da América Latina. Atualmente, a rede possui 62 unidades espalhadas em 8 estados brasileiros - São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Minas Gerais, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul, Bahia e Pernambuco - que reúne equipes treinadas com excelência no atendimento, e preza pela qualidade dos produtos utilizados e nos serviços diferenciados. A rede de salões Jacques Janine realiza mais de 2 milhões de atendimentos por ano, o que já lhe rendeu reconhecimento nacional e internacional. Hoje, a marca está entre as empresas mais sólidas e rentáveis do Brasil, sendo reconhecida com prêmios do segmento.

Bom, eu achei esse curso maravilhoso, pois pode ajudar a aumentar auto estima de muitas mulheres. Então peço a vocês que me ajudem a divulgar muito essa informação e quem sabe esse projeto não acontece em outras cidades do Brasil e não só apenas em São Paulo. Vamos levar essa informação para o máximo de pessoas possíveis!

O que acharam desse ideia do Jacques Janine e Laramara?

Beijos